Planejamento é parte essencial para a realização de um objetivo, seja uma viagem, um presente ou o sucesso de uma empresa. Ter uma visão geral sobre os pontos fortes e as fraquezas do negócio ajuda a explorar oportunidades e contribui para a criação de medidas de proteção que ajudem as gestoras durante imprevistos.

Por isso, saber como fazer um plano de negócios é uma habilidade que precisa estar no foco de qualquer empreendedora. Confira!

Mas, afinal, o que é um plano de negócios?

Ele é o documento que apresenta a estrutura da sua empresa: todas as informações sobre o produto ou serviço devem estar presentes nesse documento, além de dados sobre o público-alvo que se deseja atingir e informações sobre o mercado de atuação, concorrentes, fornecedores e possíveis parceiros.

O plano de negócios coloca no papel todos os pontos fortes e fracos do seu negócio e ajuda na definição de estratégias para o médio e longo prazo. Por ser tão estratégico, é um documento que sempre precisará ser revisto e reescrito, para incluir novas opções de negócios e modificar planos que, por diferentes motivos, não fazem mais sentido.

Para te ajudar no desenvolvimento do seu plano de negócios, separamos 4 passos que precisam ser tomados para a criação de um material consistente e que trará informações valiosas para contribuir com o sucesso da sua empresa.

Como fazer um plano de negócios?

Estudo do seu negócio

Nesta parte, é necessário incluir informações, como o histórico das profissionais que estão no comando da empresa, além da missão, visão e valores da companhia. Também, devem ser definidos de aspectos técnicos como a formatação jurídica (Microempreendedor Individual, Empresário Individual, Sociedade Limitada etc) e enquadramento tributário — o qual depende da previsão de faturamento anual.

Por fim, é importante listar a fonte de recursos que será usada para abertura e manutenção do seu negócio nos primeiros meses.

Análise dos clientes, concorrentes e fornecedores

É preciso descrever em detalhes o perfil do cliente que você deseja atingir, como renda, faixa etária, interesses, gênero (para pessoas físicas). Para empresas, é preciso dizer quais serviços elas prestam e há quanto tempo estão no mercado.

O mesmo cuidado precisa ser observado na análise da concorrência — elencando os pontos positivos e negativos tanto da companhia como do produto ou serviço que ela oferece.

Por último, é hora de olhar para os fornecedores com quem você vai trabalhar e apontar informações, como qualidade, preços, prazo para entrega e facilidade de negociação, entre outros.

Estratégia de marketing e distribuição

É um dos momentos mais interessantes para as empresárias que estão desenvolvendo seu plano de negócios: nessa parte é necessário descrever o produto ou serviço que se deseja oferecer.

Deve-se indicar os valores que se deseja cobrar -— especificando todos os gastos que justificam o preço final —, a forma de comercialização do produto (internet, ponto de venda) e como ela acontecerá (se o cliente poderá fazer a compra diretamente ou apenas com um representante comercial, por exemplo).

Também é importante realizar um plano de marketing, abordando os meios  de Comunicação nos quais o produto será anunciado e a estratégia de divulgação.

Planejamento financeiro

Quais recursos você precisa para começar ou dar continuidade ao seu negócio? A resposta para esta pergunta precisa estar descrita nesta parte do seu plano de negócios,descrevendo informações como metas de faturamento para curto e médio prazo e expectativa de retorno do investimento, por exemplo.

Dica extra: procure apoio profissional

Buscar os serviços de uma consultoria especializada em como fazer um plano de negócios é uma boa alternativa: assim, você otimiza o tempo de produção do documento e cria em conjunto com uma equipe de profissionais um plano que alia a sua expertise e conhecimento do mercado com a experiência de quem já desenvolve esse tipo de projeto e sabe o que fazer para evitar erros que passariam despercebidos por "  marinheiras de primeira viagem".

Ficou interessada em como fazer um plano de negócios, mas não sabe se já é a hora? Confira a postagem que preparamos com quatro benefícios que este documento proporciona para o seu negócio, independente do estágio no qual ele se encontra.

Deixe um comentário