Uma das missões da Feminaria é auxiliar as mulheres empreendedoras a estarem onde desejam. Isso inclui dar visibilidade a elas e ajudar a divulgar seus projetos e produtos. Investir no trabalho de quem está ao nosso lado é uma forma de garantirmos o crescimento umas das outras.

Vamos juntas?

————–

No Compre com Elas de hoje vamos conhecer a história da Beatriz Brangioni, da Sereiarte. Ela produz lindos chalkboards - aqueles quadros com frases e desenhos lindos que tanto amamos. A Beatriz escreveu um depoimento contando sua trajetória e dividindo um pouco de suas experiências conosco.

Confira abaixo:

historia-do-casal-1

Meu nome é Beatriz, tenho 22 anos, faço chalkboard e a minha loja se chama Sereiarte.

Quando me formei no Ensino Médio, veio aquela pressão de "você precisa trabalhar/passar na faculdade". Eu não passei na faculdade, então fui trabalhar. Meu primeiro emprego foi numa loja de roupas, como vendedora. Eu adorava o contato com o público, fazer as vendas, me comunicar. Mas a carga horária era cansativa, o trabalho era exaustivo e eu me sentia muito inútil, porque não sentia que estava fazendo algo em que pudesse colocar todo meu amor, sabe? Algo que você que está fazendo para mudar o mundo. Eu moro em Rio Bonito, interior do Rio de Janeiro, é uma cidade pequena onde as opções de trabalho não são muitas.

Aí, com a minha insatisfação, meus pais me ajudaram a abrir uma loja de roupas, minha, do meu jeito. E apesar de não ter dado certo, foi uma experiência super legal e foi a primeira vez que tive o gostinho de fazer algo meu, com a minha cara.

Logo em seguida, consegui passar na faculdade. Só que como era em outra cidade, o período era integral, os custos eram altos e eu não estava tão animada com o curso, acabei trancando. Mas eu não queria voltar pra esse mercado de trabalho chato, que a gente faz coisas sem sentido trabalhando tão duro pra algo que eu não tinha nenhum retorno pessoal, nenhuma satisfação.
Foi aí que surgiu a Sereiarte, em Outubro de 2015.empresa-feminaria-2
Meus pais tinham uma empresa de eventos, desde antes de eu nascer, então cresci nisso de festas, aniversários, casamentos... Sempre gostei. Adorava ver as pessoas felizes em momentos tão especiais. E com isso, acabei pegando uns convites, uns banners pra fazer. Foi aí que aprendi a usar Photoshop e tudo o mais.
Quando tranquei a faculdade, minha mãe, pesquisando tendências e ideias, conheceu o chalkboard que já estava bombando no exterior. E me mostrou "Olha, Bia, que legal, será que você consegue fazer?" Fiquei encantada com a ideia. Era a oportunidade que eu tinha de fazer algo de que gostava. Era a oportunidade de me sentir útil pro mundo, fazendo algo tão especial pra registrar os momentos felizes das pessoas.
Divulguei na internet e comecei como um hobby, algo que eu iria fazendo até achar "um emprego de verdade". Hoje, esse é o meu emprego de verdade, é o meu negócio. Eu posso fazer o meu horário, a minha agenda e ganho muito mais do que ganharia trabalhando 6 dias na semana, várias horas em pé. Fora as pessoas incríveis que conheço, as histórias lindas que eu sou escolhida pra registrar. Momentos super especiais de gente de todo lugar do mundo com histórias totalmente diferentes. Me sinto muito grata pela confiança que as pessoas depositam em mim pra participar de um dia único na vida delas.
O chalkboard é um quadrinho personalizado que imita uma lousa em giz. Eu faço pra qualquer ocasião. Tem pra datas comemorativas, chás de bebê, casamentos e aniversários e para presentes. E para Empresas (fiz o da Casa Feminaria, aliás!), tabelas de valores e convites também.
Eu registro histórias de gravidez, desenvolvimento de crianças, histórias de amor (lindas!), características que tornam alguém super especial e músicas que a gente ama. Até pedido de casamento eu já fiz!  O legal é que dá pra todas as idades.
musica-os-cegos-do-castelo-molduraTodas as minhas artes são criadas exclusivamente para cada cliente. Eu recebo a história deles e crio com meu coração.  O nome da loja é Sereiarte, pois são as duas coisas que AMO (sereias e arte). E também tem aquela mensagenzinha subliminar "Serei arte". Faço em vários tamanhos e envio as artes para todo Brasil por e-mail e pelo Correios.
O que eu aprendi com meu próprio negócio foi a ter mais confiança em mim mesma, em acreditar que sou capaz de participar de sonhos, de fazer algo bom pro mundo, do meu jeitinho. Aprendi também que as mulheres unidas são TUDO! A maioria das minhas vendas são feitas pra mulheres em grupos de mulheres, e isso é muito importante. Mostra a importância da sororidade pra fortalecer umas às outras. Fiz amizades e parcerias lindas graças ao meu trabalho e às oportunidades que tive nesses grupos, inclusive na Feminaria.
O meu recado é pra ninguém ter medo de se arriscar e de tentar (não importa quantas vezes) encontrar aquilo te faz sentir-se especial, única e feliz. Quando a gente trabalha com o que gosta, tudo fica mais leve. E sim, é possível amar o que a gente faz".
Confira o trabalho da Beatriz no Facebook, e sua loja virtual na Elo 7.
Para as leitoras deste texto, a Sereiarte está oferecendo 10% de desconto - basta enviar uma mensagem através da página do Facebook, informando que leu este post!

1 comentário sobre “Compre com Elas – Especial Artesãs – Sereiarte

  1. ( Que lindo depoimento!!.. Encontrei a Beatriz por acaso ontem nesse momento tão dificil de luto pelo nosso amado Belchior e achei sua ideia maravilhosa.. Já a add em meu grupo de amigos e breve estarei com meu quadro da música “Coração Selvagem”.. Parabéns, Beatriz!!.. gde bjuuu )

Deixe um comentário